21 de out de 2006

- Mudança de Hábito - Convite!




É com muita alegria que convidamos nossos irmãos da Igreja Presbiteriana Betel e amigos a nos acompanharem em nosso culto de Ação de Graças, dia 28/10, sábado, às 19h30 em nossa igreja.

São 10 anos de Coral Mudança de Hábito e a gratidão é imensa por todo o crescimento que tivemos no Senhor. Desde o aprender a tocar um instrumento, passando pela criação de nossas próprias canções, histórias teatrais e desenvolvimento geral de dons, talentos e muita união neste trabalho que nos cai tão bem: contar a todos sobre o Amor de Deus pelos seus filhos.

Neste ano, com nossas vozes e talentos, de forma especial, queremos agradecer e muito por tudo que Deus tem nos permitido viver em uma década deste projeto. O Coral Mudança de Hábito nasceu de um sonho que Deus colocou nos nossos corações, e que vem nos permitindo alcançar vidas.



Você é parte deste sonho, deste projeto. Seja trabalhando junto a nós, seja em oração, este projeto é nosso! Portanto, gostaríamos que mais uma vez a igreja e os nossos amigos se juntassem a nós, para celebrarmos ao nosso Deus!



Obrigado Senhor!



Até lá!

7 de out de 2006

Sobre Ensino e Expectativas...

Estava lendo uma meditação publicada no boletim da igreja ontem que falava sobre o dia dos professores e sobre o exemplo de Cristo que ensinou, exemplificou de diversas formas aos seus discípulos e teve em seus momentos mais difíceis grande decepção com as ações destes que ouviam, viam e ainda assim, acabavam errando.

Cristo sabia que seus discípulos errariam e que até o negariam - caso de Pedro - e ainda assim ensinava, e era paciente com cada um deles.

Escrevo sobre isso, porque logo após uma breve leitura do artigo, lembrei da minha vida, do meu jeito de agir e esperar as reações de amigos, irmãos, família e até de mim mesmo.

Não sei se você já se sentiu assim mas, geralmente me achava chateado logo após ser questionado ou consultado sobre algum assunto ou decisão importante de um amigo e simplesmente o camarada ignorava a minha opinião e tomava outra! É, se tinha uma coisa que me deixava profundamente chateado era isso.

Com o tempo a gente aprende e hoje me vejo numa situação interessante: hoje, sou professor na igreja, sou líder em algumas coisas e como qualquer um que ensina, que mostra um caminho, você cria no coração expectativas. Espera que seus ouvintes entendam, espera que em uma situação crítica, a decisão apontada naquela aula seja lembrada e o caro amigo tome a ação correta.

Ao ler o texto e ver que Cristo ensinou sabendo que seria traído, negado etc, mas teria os frutos do ensino colhidos muito mais a frente, me animei, sorri.
Vejo, mais uma vez, que aquilo que me cabe deve ser feito; aquilo que cabe ao meu ouvinte, irmão, amigo, pode ser de acordo com o ensinado como também pode não ser - cada ação receberá sua devida reação, suas conseqüências.

Somos como Atalaias. Apontamos o caminho, avisamos os perigos aos outros e a nós mesmos.
Que Deus nos sustente nesta carreira, cheia de expectativas, mas nenhuma tão certa quanto a de que Sua obra é a mais eficaz de todas as obras!

Foto da minha aula mais organizadinha - Sobre Santificação - Para mim, um marco de aprendizado.

5 de out de 2006

Loucura

Poxa...que dia tive ontem...e estou escrevendo sobre ontem, que está quase virando anteontem hehehe, se é que voce me entende. Uma correria total no trabalho, aliando decisões importantes e trabalhos da igreja também. Eu na minha organização extrema! E quando pensei que estava com tudo organizado apareceu a nova e inesperada surpresa: Tive que dirigir o culto a noite na igreja. Primeira vez... Foi tranquilo. Hehe, mas era algo que não esperava. Deus sabe o quanto vejo como precisa a arte do ensino e tenho sempre certo "temor" com o que é falado, com o que é estudado etc. Graças aDeus, foi tudo bem, ao meu ver.

Depois do estudo, futebolzinho básico: Vitória do Tricolor 5 X 1. Fantástico Tri com um futebol envolvente. QUE BELEZA!! Se continuar assim, será campeão, mas tudo com calma.

Ai ai... Estou precisando de férias. Mas estou certo que essa correria que tenho (em épocas da vida, aumenta demais) é importante e faz parte do processo da vida. Envolvimento, responsabilidades e como pano de fundo pra tudo isso, segurança na fé. Ter Deus como amigo, parceiro me mudou completamente. As perspectivas, a esperança...e tenho certeza que ainda há muitas coisas a aprender. Bom que estão aparecendo novos blogueiros pra eu "desestressar" e dar umas boas risadas.

"O trabalho não é em vão. Graças a Deus..."